O Colégio

História

O Colégio Batista Mineiro foi criado no dia 1º de março de 1918, quando uma pequena classe de 13 alunos começou a funcionar em Belo Horizonte, na residência da professora e missionária americana, Ephigênia Roe Maddox.

A capital mineira era bem jovem quando ganhou o Colégio Americano Batista, que ao longo dos anos conquistou um espaço importante no cenário da educação no Estado de Minas Gerais.

Hoje, o Colégio faz parte de uma estrutura maior – a Rede Batista de Educação  – que é formada por dez unidades nas cidades de Belo Horizonte, Contagem, Betim, Ouro Branco, Uberlândia e Juiz de Fora, e oferece cursos do Berçário ao Ensino Médio; Ensino Superior e de Idiomas, além das suas unidades sociais que ministram gratuitamente educação a crianças e adultos na capital e no interior do Estado. Localizado no bairro Floresta, um dos mais antigos da cidade, o Colégio Batista se destaca pelo seu alto padrão de qualidade e seriedade no ensino, desenvolvendo um relacionamento maduro entre a cultura, a fé e a educação.

A Rede Batista de Educação se propõe a ministrar em todos os níveis, a educação integral do cidadão, bem como sua formação moral, física e espiritual, concentrando todos os esforços e recursos disponíveis com o propósito de DEUS. O Colégio Batista Mineiro desenvolve sua prática educativa baseada em um Projeto Pedagógico consistente. Dentre os diversos projetos trabalhados no Batista, o Projeto Ética e Caráter na Escola tem sido referência no que diz respeito à educação no Brasil e no mundo.

A instituição tem percebido que as crianças, adolescentes e jovens precisam de uma educação que inclua o melhor do conhecimento científico e, ao mesmo tempo, uma formação que privilegie a construção do caráter, o desenvolvimento da moralidade e da ética. O Projeto Ética e Caráter na Escola contempla 49 virtudes do caráter e a cada bimestre, um tema é estudado por todos os alunos da instituição.